Páginas

domingo, 27 de abril de 2014

Transformation!

Cena que resume a série "Breaking Bad"

Toda reação química implica transformação e perda. Assim é a vida. Aquele que nunca sofreu nenhum tipo de perda, seja financeira, emocional, mental, nunca irá mudar. 

Infelizmente há pessoas que, mesmo sofrendo todo tipo de perda, ainda assim insiste em conservar o mesmo estado mental de antes. São pessoas que nunca aprendem nada, pois sempre conservam em si o orgulho de estarem sempre certas, mesmo quando estão erradas. Pessoas assim irão fazer de tudo pra provar o quão são melhores que você, não porque elas sejam de verdade, mas porque têm uma necessidade interior de se auto afirmar, devido à sua intensa insegurança. São pessoas tristes, não compreendidas, fracas, amarguradas, mal amadas e por aí vai. Elas simplesmente não se aceitam e, por isso, não aceitam ninguém e muito menos aceitam uma rejeição. Por sorte nem todos são assim. ;)

A natureza sofre transformação o tempo todo: árvores, plantas e animais morrem e dão vida à outros seres. Ação e reação. Tudo que você faz, pensa ou sofre tem uma consequência que, mais cedo ou mais tarde, você terá que arcar. Então quando maltratamos alguém, traímos alguém, talvez você se ache superior, afinal, você está no comando, mas o seu subconsciente irá armar contra você, pois o subconsciente segue as leis da natureza, que por sua vez busca o equilíbrio.

É como eu já disse em outra postagem: "Às vezes, quando a gente ganha, a gente perde". Eu aprendi que é através da calma, da sabedoria e da compreensão que a gente ganha, não de palavras sujas e atos de covardia, por mais que o outro "mereça", pois não importa o quanto a natureza do outro seja destrutiva, nunca devemos mudar a nossa natureza pra pior e mais desequilibrada, e sim para uma natureza mais calma e equilibrada. 

A boa notícia é que sempre podemos mudar e aprender a mudar, consertando nossos erros, desfazendo aquilo que fizemos de errado. Nem sempre aqueles que amamos nos dirá isso, mas sempre temos a oportunidade de mostrar que podemos ser diferentes, que mudamos e que não erramos por mal, ou mesmo que tenha sido por mal, que nos arrependemos e queremos fazer diferente dessa vez. Não é fácil, claro, mas a pior coisa que existe é o arrependimento de não ter tentado.



Nenhum comentário:

Postar um comentário