Páginas

quinta-feira, 20 de setembro de 2012

Meu primeiro arco voltaico bioenergético

Anteontem eu fui dormir, de madrugada. Resolvi dormir sem usar o travesseiro, para poder aumentar a circulação do sangue no cérebro.. 
Figura 1

    Bom, deitei na posição de decúbito dorsal (Figura 1), e logo comecei a ver o que eu já estava acostumado: energias circulando pelo meu quarto... Só que dessa vez foi muito além disso! Eu percebi uma presença não muito agradável na minha frente e comecei a enxergar a energia dele. Não tive medo, como raramente tenho, afinal as consciexes só conseguem lhe causar mal se você assim desejar. 

    Nesse momento, resolvi usar minha energia para afasta-lo, porém havia algum tempo que eu não conseguia sentir minha energia ou ver nada de extraordinário, energeticamente falando, mas o que aconteceu foi que eu comecei a enxergar minha própria energia saindo da ponta das minhas mãos e das pontas dos dedos (Figura 2), e sentia isso claramente na parte entre a unha e o dedo em si! Era uma sensação boa, de autocontrole... E não obstante, eu comecei a ver flashs de energia na cor amarela, formando um arco dourado entre uma mão e outra... 
Figura 2

    A princípio eu ignorei, pois imaginei que podia ser ilusão de ótica ou simplesmente alguma luz externa de outro prédio, mas não, e eu cheguei a me questionar se eu realmente estava acordado ou dormindo. Sim, eu estava acordado, olhei para a varanda e tinha certeza, não tinha ido dormir ainda. Podia sentir o fluxo energético formando uma espécie de campo em minhas mãos, ao mesmo tempo que via um fluxo branco, mas bem sutilmente, e então testei a veracidade passando a palma da minha mão direita nesse fluxo que saia da esquerda... E sim! Eu podia sentir e ver o fluxo mudando de direção ao encostar na palma da minha mão direita! Era bom! Eu lembro de já ter sentido isso, mas nunca tão forte e tão real! 



    Comecei a ver mais flashs em outras direções, de outras cores (Figura 3) que agora não me recordo quais eram, mas eram poucas cores. Um desses flashs pareciam vir da varanda, mas eu olhei novamente e não havia nenhuma fonte de luz do tipo.. Era como se eu visse a luz dentro dos meus olhos, na minha cabeça, na minha mente... Ou mais, era como se eu sentisse aquelas luzes. E essas luzes eu também já havia visto, mas não tão intensamente! Lembro de já ter estado com o quarto todo fechado, cortina fechada, luz apagada e olhos fechados.. e de repente parecia que alguem tinha acendido a luminária ou ligado uma lanterna ou mesmo ligado a luz do quarto, e quando eu abria os olhos, tava tudo escuro! O que é paradoxal.. Vc fechar os olhos e ver tudo iluminado, e então abrir e ver tudo escuro, rsrsrs.

    Uma vez perguntei sobre essas luzes para o pai do meu amigo, que se projeta desde os 16 anos. Segundo ele seria meu amparador se comunicando ou algo do tipo. Não lembro bem do que ele disse. Já eu.. penso que essas luzes são reflexos de meu próprio campo bioenergético. Quando meu campo está mais ativo, talvez essas luzes devem se intensificar, possibilitando que eu enxergue dentro de mim mesmo, como se meus chacras se abrissem. Era como nesta Figura 4: imagina que todos os chacras estão apagados e você está no seu quarto, escuro, e então você "liga" o coronochacra (chacra superior). Você tem a impressão de que alguém ligou alguma luz perto de você.



    Perguntei-me de novo se eu tava sonhando. Não, não estava! Lembrei de uma vez que aconteceu o mesmo na casa de minha tia, só q eu estava em pé e conseguia fazer um arco voltaico com as mãos formando uma espécie de nebulosa que tinha todas as cores que você possa imaginar, era lindo! E nesse episódio eu até chamei minha tia (ou foi minha mãe?) pra ver o que estava acontecendo.... Mas daí eu acordei -.- era um sonho!! E parecia tão real! Será que eu sou capaz de fazer isso, mas apenas não consigo enxergar ainda? Talvez... Mas no episódio de anteontem eu ESTAVA ACORDADO! ERA REAL! 

    Isso me faz pensar em todas as coisas extraordinárias que aconteceram comigo. No momento exato, eu sei que é real, eu sei o que eu vivi naquela hora. Após algum tempo, dias, semanas, ou mesmo anos... Você começa a se questionar se aquilo foi de fato real! E ainda vêm as pessoas provavelmente me dizer que foi imaginação etc etc... Cara, sabe a diferença entre você imaginar que está tomando choque... e colocar o dedo na tomada? É bem diferente! E eu nunca fui e não sou uma pessoa que acredita fácil nas coisas. Na verdade eu sou o cara mais CHATO pra tudo, sempre estou criticando tudo, sempre duvido de tudo e de todos, inclusive de mim. Vocês têm todo o direito de não acreditar em mim, e se não acreditarem, ÓTIMO! Significa que vocês não creem em qualquer coisa que lhes dizem. Investiguem sempre! Tenham suas próprias experiências, assim como eu tive a minha.

COMENTEM caso já tiveram alguma experiência parecida. Vamos discutir o assunto!

Um comentário: